Projeto Experiências: A experiência de um Engenheiro Civil fora do Brasil.

Por Lindon F. Júnior
Estudante do 3º período de Engenharia Civil
Estagiário do Centro de Simulação e Intercâmbio

O primeiro encontro do Projeto Experiências aconteceu no dia 20/08/2019 com o Engenheiro Gabriel Fagundes: “A figura do engenheiro em um contexto internacional, suas tecnologias e as novas perspectivas.”.

O mercado para o Engenheiro rompe fronteiras internas e externas. Muitas vezes o Engenheiro não trabalha em sua cidade, nem estado… Por vezes desbrava o mundo levando consigo uma experiência e trazendo outra.

O Engenheiro Gabriel Fagundes abordou em seu relato algumas diferenças no mercado nacional e internacional. Pontuando questões tenológicas como uma grande diferença, o caso do uso da tecnologia BIM (Building Information Modeling) é um deles. Profundamente difundido na Europa, a tecnologia BIM corrobora para uma obra mais fluída, diminuindo custos, otimizando o tempo e recursos, trazendo consigo o conceito de sustentabilidade. No Brasil ainda não é tão utilizado como na Europa. Entretanto para quem almeja uma carreira internacional ou quer estar a par do mercado de trabalho, vale a dica de como rechear o currículo.

O estudante Jonathan Cezario de Almeida descreveu a palestra:

“Eu fico muito feliz com EMGE, pois, suas palestras são sempre inspiradoras e multidisciplinares.

Através da palestra desta terça cujo palestrante Gabriel Fagundes falou muito sobre a tecnologia BIM, podemos observar a importância de ter cursado a matéria Empreendedorismo e Inovação Tecnológica, pois graças ela tivemos contato com diversas tecnologias e idéias que estão em ascensão no planeta.

Além disso o palestrante falou muito sobre a importância das pessoas na engenharia. Pois, assim como aprendemos na EMGE, a engenharia é feita de pessoas e ao se fazer qualquer obra deve-se pensar na segurança e conforto delas, sejam elas os próprios trabalhadores ou os clientes. Também não podemos esquecer da sustentabilidade na engenharia, qualquer obra tem intervenção na natureza e todos os impactos devem ser minimizados para o bem das futuras gerações.

Portanto, podemos observar que a EMGE está focada em formar não apenas profissionais de engenharia mas também bons seres humanos preocupados com o bem do planeta Terra.”.

Confira as fotos do evento:

 

 

{"autoplay":"true","autoplay_speed":3000,"speed":300,"arrows":"true","dots":"false"}