Movimento Ecos como instrumento de efetivação da educação ambiental

Educação ambiental é componente essencial e permanente da educação nacional. Tamanha sua importância, que ela deve ser articulada com todos os níveis e modalidades do processo educativo, seja ele formal e informal. Não resta dúvida que todos os cidadãos têm o direito de serem beneficiários da educação ambiental. Mas como efetivá-la? Produzindo lei? A lei já existe; é 9795/99. A pergunta que se sustenta é: a lei é efetiva? Parece que não em sua totalidade, mas parcialmente. É essa carência que o Movimento Ecos tenta suprir construindo valores sociais, conhecimentos, habilidades e atitudes voltadas para a conservação do meio ambiente, colocando em prática não só a lei mas também o Art. 225 da CR/88.

Todas as escolas parceiras do Movimento Ecos, planejaram, criaram e executaram seu projeto ambiental dentro das 10 ações pré-determinadas, sendo obrigatórias redução do consumo de água e energia. Percebeu-se que cada equipe, a sua maneira, se dedicou à implantação do projeto e atingiu resultados que superaram a meta estabelecida inicialmente. Agora estão na reta final, término do projeto e entrega dos resultados totais. Qual o balanço até aqui? Desafio imenso, trabalho em conjunto, cooperação, criatividade, superação, conquistas e satisfação, são alguns elementos destacados nessa caminha. Se por um lado a expectativa é grande para o dia da caminhada Ecos, momento que se conhecerá o projeto vencedor. Por outro a certeza de que a sociedade tem que se mobilizar para garantir um meio ambiente sadio equilibrado, que se aproveite para geração atual e para aquelas que estão por vir. A semente, literalmente, foi plantada e começa a germinar! Quanto ao dia final, a sorte está lançada e a torcida, fundamental neste caso, está organizada! Que venha dia 23 de novembro de 2018!

Clique aqui, confira a matéria completa e o álbum de fotos.