EMGE promove recepção de calouros

A Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE) preparou um dia especial para receber os calouros de engenharia civil e ciências da computação na noite desta segunda-feira (11). Reunidos no auditório, os alunos foram recepcionados pelo coordenador do Núcleo de Ensino Personalizado (NEP), Rogério Vieira, pelo professor e gerente de Tecnologia da Informação da Dom Helder, Cristiano Lacerda, pela pró-reitora de ensino Anacélia Santos Rocha, pelo diretor executivo da mantenedora Paulo Umberto Stumpf e o reitor Franclim Brito.

Os alunos receberam um kit de estudo, com mochila, caderno, bloco, caneta e garrafinha de água.

O reitor da EMGE, Franclim Brito, deu as boas-vindas aos alunos e falou sobre a história e a trajetória educacional dos jesuítas no Brasil. Além disso, falou da história da Instituição e sua relação com a Dom Helder Escola de Direito. “ A escola de direito e a escola de engenharia e da computação possuem quatro fundamentos norteadores do nosso modelo: inspiração de Santo Inácio de Loyola, Dom Helder Câmara (como importante militante nos direitos humanos), José de Anchieta e a comunidade acadêmica”.

Já o diretor executivo da mantenedora, Paulo Umberto Stumpf destacou do reconhecimento do curso de civil e computação como nota máxima no MEC. “São os únicos cursos de Minas Gerais que têm conceito máximo, aspecto importante. A Instituição tem feito o possível, o Magis, para proporcionar a vocês qualidade e excelência. E hoje estou pedindo a vocês que façam o máximo, aproveitem ao máximo. Não percam tempo! Estudem, estudem.. Vocês não vão se arrepender”, diz.

Ao final da recepção foi fornecido aos calouros um lanche de confraternização.