O papel da Engenharia na produção do espaço urbano

Por Rachel de Castro Almeida
Professora de Sociologia da EMGE

A disciplina Sociologia na EMGE despertou desde cedo nos alunos uma curiosidade: qual a relação entre a Engenharia e a Sociologia? Em nossa primeira unidade, denominada “O papel da engenharia na produção social do espaço urbano”, optei por adotar três artigos científicos. O primeiro, de um jovem sociólogo português, Vítor Ferreira, elaborado para a ampla divulgação em revista de circulação nacional dedicada à Ciência, com o propósito de desmistificar o papel da Sociologia e evidenciar a importância deste conhecimento científico para uma formação mais crítica, reflexiva, inclusiva e cidadã, premissas assumidas pela Pedagogia Inaciana.

Na sequência fizemos um salto temporal e fomos parar em Berlim, no início do século XX, conduzidos pela obra do clássico sociológo alemão Georg Simmel. Ao passear por Berlim, em 1903, e Belo Horizonte, em 2018, observamos as rupturas e continuidades na Engenharia e na produção social do espaço urbano. Este artigo nos permitiu refletir sobre o que teria dito Simmel se ele caminhasse conosco pelas ruas de BH. Conseguimos observar que as grandes metrópoles se tornam cenários de relações sociais mais impessoais; como há entre nós uma evidente proximidade física e uma distância mental; e a nossa dificuldade em reagir aos inúmeros estímulos cotidianos, provocando um modo de agir muito específico, chamado atitude blasé.

E por fim, estudamos um artigo do antropológo paulista, Heitor Frúgoli, que nos mostra as fronteiras entre áreas da Sociologia e da Antropologia Urbana. Com Frúgoli, conhecemos as práticas de pesquisa empírica, desde a renomada Escola de Chicago, passando pelas experiências paulistas das décadas de 1970 e 1980, até os mais recentes desafios da Antropologia e Sociologia Urbana no Brasil. Encerramos a unidade com a elaboração de Mapas Mentais, procurando assim expressar de modo visual um exercício de aprendizagem significativa, que permitirá aos Engenheiros da EMGE a apropriação dos conceitos e teorias da Sociologia Urbana em contextos diferenciados e em períodos históricos distintos. Vejam só alguns dos resultados!

Ferreira, Vítor Sérgio. O que é a Sociologia? Ciência Viva. 16 de Janeiro de 2018. Disponível em http://aurinegra.pt/o-que-e-a-sociologia/  Acesso em 01 de fevereiro de 2018.

SIMMEL, Georg. As grandes cidades e a vida do espírito (1903). Mana [online]. 2005, vol.11, n.2 [cited  2018-01-31], pp.577-591. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-93132005000200010&lng=en&nrm=iso  Acesso em: 31 jan. 2018.

FRUGOLI JR., Heitor. O urbano em questão na antropologia: interfaces com a sociologia. Rev. Antropol.,  São Paulo ,  v. 48, n. 1, p. 133-165,  June  2005.   Available from http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-77012005000100004&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 31 jan. 2018.

 

{"autoplay":"true","autoplay_speed":"3000","speed":"300","arrows":"true","dots":"false"}