Engenheiro deve resolver problemas complexos, diz palestrante

Por Patrícia Almada
Repórter DomTotal

O que os estudantes de engenharia desejam ser no futuro? O que o mercado espera destes profissionais? A engenharia realmente é uma profissão que não sai da moda? Estas e outras tantas dúvidas foram respondidas na noite dessa quarta-feira (18) pelo engenheiro civil, especialista em engenharia econômica, administração financeira e análise de sistemas, Pedro Bernardes. A palestra, ministrada no auditório da Escola de Engenharia de Minas Gerais (EMGE) teve como tema: “O engenheiro civil, uma profissão que não sai da moda”. A abertura dos trabalhos foi feita pelo pró-reitor da EMGE, Jose Antonio de Sousa Neto.

Em entrevista para o portal DomTotal, Pedro Bernardes disse que mesmo no período de crise vivido pelo país, a engenharia não sai da moda. “O que existe é um momento de oportunidades. ”, frisa.

Conhecimento

O palestrante conta também que sua especialização em engenharia financeira veio da necessidade de buscar um conhecimento que complementasse sua área de atuação. Sendo assim, Pedro ressalta que devido à competição do mercado e a necessidade de ampliar o crescimento no Brasil, ter apenas o curso de graduação não é suficiente.

“É preciso continuar estudando. Conhecimento ninguém te tira. Você perde um emprego, mas conhecimento ninguém pode te tirar. E isso faz com que você seja competitivo no mercado. Hoje podemos dizer, por exemplo, em Belo Horizonte, que existem duas mil vagas de engenharia civil. No Brasil todo talvez 50 mil. Se não pensarmos em um aperfeiçoamento, como o aluno vai conseguir se destacar e ser um bom profissional? ”, questiona.

 

CLIQUE AQUI, CONFIRA A MATÉRIA COMPLETA E O ÁLBUM DE FOTOS!